Licitar

Generic selectors
Apenas correspondências exatas
Pesquisar no título
Pesquisar no conteúdo
Post Type Selectors
post

Governador assina ordens de serviço para construção de 3 universidades e anuncia concurso para Uneal e bolsas para alunos

Palmeira dos Índios, Arapiraca e São Miguel dos Campos serão os polos dessas unidades

Carlos Victor Costa e Rafael Maynart / Agência Alagoas

Em uma iniciativa histórica para ampliar o acesso à educação superior e impulsionar o desenvolvimento regional, o governador Paulo Dantas assinou, neste domingo (23), as ordens de serviço para a construção de três universidades públicas em municípios do interior do estado. As instituições, que serão instaladas em Palmeira dos Índios, Arapiraca e São Miguel dos Campos, vão oferecer cursos de graduação em diversas áreas de conhecimento. As obras representam um investimento de R$ 37.500 milhões, oriundos do Tesouro Estadual.

“Acredito muito na educação e por isso o governo investe desde a creche até o ensino superior. Com esses campi, estamos ampliando a oferta de vagas universitárias e oferecendo mais oportunidades para os alagoanos. A Uneal em sua história formou grandes alagoanos, inclusive o secretário Silvio (Bulhões) é egresso da Uneal, o prefeito de Arapiraca, Luciano Barbosa já lecionou na universidade estadual e isso mostra o quanto a universidade é importante para a nossa sociedade. Além disso, estamos anunciando o concurso público para preencher essas novas vagas e ampliar o nosso corpo docente”, destacou Paulo Dantas.

As novas unidades da Uneal, sendo uma expansão nos municípios de Arapiraca e Palmeira dos Índios, e um novo prédio na cidade de São Miguel dos Campos, serão entregues seguindo a mesma estrutura com 12 salas de aula, banheiros, laboratórios, espaço administrativo, refeitório, biblioteca e quadra poliesportiva. Cada unidade terá capacidade para atender até 1200 estudantes.

“Hoje é um dia histórico para todos nós que fazemos o Governo de Alagoas. Maior pacote de investimentos que a educação já teve.  É através da educação que conseguimos transformar o cidadão e esse olhar carinhoso e de futuro do governador Paulo quando investe na educação é fundamental para continuarmos avançando”, disse a secretária de Educação, Roseane Vasconcelos.

As ordens de serviço foram assinadas com a presença do reitor da Uneal, Odilon Máximo, deputados federais e estaduais, de autoridades locais, representantes das empresas responsáveis pelas obras e membros da Uneal. As obras das universidades devem iniciar imediatamente e estão previstas para serem concluídas em 120 dias.

Em Arapiraca o prefeito Luciano Barbosa, agradeceu por todos os investimentos feitos no município. “A população de Arapiraca é agradecida ao Governo de Alagoas por todos os investimentos feitos aqui na cidade. Esse Campus da Uneal é mais uma oportunidade do arapiraquense de ingressar no ensino superior. Fui professor da Uneal e sei o peso e a importância da universidade para o nosso estado”, disse

O prefeito de São Miguel dos Campos, George Clemente, pontuou que a educação é a base de tudo. “O governador Paulo tem investido forte na educação e ela tem o poder de transformar a vida das pessoas. Então o governo de Alagoas está de parabéns por esses investimentos. Vai ser um divisor de água. Vamos construir e vai ser um dos prédios mais bonitos”, disse.

BOLSAS

Além disso, para alunos oriundos de escolas públicas que cursam licenciatura, em especial em ciências exatas, e que estejam no CadÚnico, o Governo do Estado vai disponibilizar bolsas permanência no valor de R$ 700,00, como forma de garantir a formação de docentes, trazendo avanços significativos para a instituição e sua comunidade acadêmica.

“Hoje foi um dia histórico para Alagoas. O maior pacote de investimentos para educação superior pública que o Estado já viu, se somou ao maior investimento em ciência e tecnologia. Isso mostra o compromisso do Governo de Alagoas, promovendo condições adequadas para a produção científica, o ensino, a extensão e a pesquisa, proporcionando melhores condições de trabalho e estudo para os alagoanos”, destacou o secretário de Ciência e Tecnologia, Silvio Bulhões.

CARTÃO ALAGOAS SEM FOME UNIVERSITÁRIO

O governador Paulo Dantas também anunciou a criação do Cartão Alagoas Sem Fome Universitário onde serão oferecidas 400 bolsas de R$ 300,00 mensais durante oito meses, beneficiando estudantes com renda familiar per capita inferior a um salário mínimo.

Com o novo programa, mil alunos serão beneficiados, dobrando o número de beneficiários. Além disso, foi aprovado um orçamento para conceder mais 450 bolsas por quatro meses, de setembro a dezembro, aumentando ainda mais o alcance do apoio financeiro anual.

UNEAL

A Uneal oferece cursos de graduação e pós-graduação que visam à formação integral dos estudantes, preparando-os para os desafios do mercado de trabalho. A expansão da Uneal para novos municípios permitirá a capacitação de profissionais locais, fomentando o empreendedorismo, a pesquisa aplicada e a inovação. As instituições também serão polos de pesquisa e inovação, com laboratórios modernos e equipamentos de última geração.

CONCURSO

Com a interveniência da Secretaria da Ciência, da Tecnologia e da Inovação (Secti), o governador lançou oficialmente o concurso público da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal). O concurso vai preencher 127 vagas para professores, garantindo a recomposição de pessoal e abarcando os seis campi já em funcionamento no Estado (Maceió, Arapiraca, Santana do Ipanema, Palmeira dos Índios, São Miguel dos Campos e União dos Palmares). Detalhes como salário, carga horária e nível de escolaridade exigido serão publicados no edital.

“Esse é o maior concurso da Uneal. Serão 127 vagas para professores e juntamente com esses campi, o governador Paulo Dantas muda a realidade da nossa universidade. Com esses novos equipamentos vamos ampliar nossas pesquisas, nossos programas contribuindo ainda mais para o desenvolvimento social do nosso estado”, disse o reitor da Uneal, Odilon Máximo.

Fonte: Associação dos Municípios Alagoanos

Comente o que achou:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas

CGU, PF, MPF e Receita deflagram a Operação Casa de Ouro no Mato Grosso do Sul

CGU, PF, MPF e Receita deflagram a Operação Casa de Ouro no Mato Grosso do Sul

Objetivo é apurar a prática de corrupção e lavagem de dinheiro. Em razão da existência de autoridades com prerrogativa de foro, as ordens foram emitidas pelo STJ Controladoria-Geral da União

Políticas públicas de Tecnologia da Informação e Comunicação precisam de mais transparência, analisa TCU

Políticas públicas de Tecnologia da Informação e Comunicação precisam de mais transparência, analisa TCU

Mapeamento do setor identificou 15 planos, estratégias ou programas associados, com total de recursos alocados em torno de R$ 15 bilhões O Tribunal de Contas da União (TCU) analisou, na

CGU e Polícia Federal desmontam esquema de fraude na Prefeitura de Santaluz (BA)

CGU e Polícia Federal desmontam esquema de fraude na Prefeitura de Santaluz (BA)

Operação Santa Rota constata irregularidades em licitação para contratação de transporte escolar no município, com desvio de recursos em torno de R$ 3 milhões Controladoria-Geral da União (CGU) participa, nesta

Novos Incentivos do Plano Safra prometem mais produtividade e renda na agricultura familiar

Novos Incentivos do Plano Safra prometem mais produtividade e renda na agricultura familiar

Mecanização do campo e fundo garantidor ampliam as oportunidades para agricultores familiares Divulgação/MDA Plano Safra tem o objetivo de potencializar a produção, permitindo que agricultores produzam mais com menos esforço

Atenção: Prorrogação do prazo SIAP 

Atenção: Prorrogação do prazo SIAP 

O Tribunal de Contas de Alagoas(TCE/AL), prorrogou em caráter excepcional e impostergável, o prazo de entrega da quinta remessa do calendário de 2024 do Sistema Integrado de Auditoria Pública (SIAP).

PEC que alivia contas dos municípios passa pela primeira sessão de discussão

PEC que alivia contas dos municípios passa pela primeira sessão de discussão

O Plenário do Senado promoveu, nesta terça-feira (2), a primeira sessão de discussão da proposta de emenda à Constituição (PEC) que estabelece medidas para aliviar as contas dos municípios. A PEC