Licitar

Generic selectors
Apenas correspondências exatas
Pesquisar no título
Pesquisar no conteúdo
Post Type Selectors
post

Municípios podem participar 6ª edição do Concurso de Merendeiras

A merenda escolar, muitas vezes, é a única refeição de milhares de crianças. Pensando em melhorar a qualidade nutricional e ampliar as possibilidades das receitas, o Sebrae lançou a 6ª edição do Concurso de Merendeiras em parceria com a Embrapa e Senac. As inscrições para o Concurso 2024 serão abertas para os municípios interessados do dia 10 a 14 de junho, através do site: http://concursomerendeiras.sebrae.al, lembrando que o botão de inscrição só será ativado na segunda-feira (10). A iniciativa é uma parceria do Sebrae Alagoas, junto aos seus parceiros Embrapa e Senac.

Com uma premiação de até 5 mil reais, merendeiras e nutricionistas serão contempladas no concurso, que tem três etapas: a adesão, que vai até o dia 14, as capacitações de 17 de junho a 31 de julho e a inscrição da receita a ser julgada de 1 e 16 de agosto. A divulgação dos resultados da etapa eliminatória será no dia 23 de agosto e a final estadual em Maceió, em 9 de novembro.

Segundo a analista do Sebrae, Tatiana Eigler, o diferencial deste ano é que todos os municípios têm a possibilidade de participar. “Ano passado apenas os municípios do Projeto Cidade Empreendedora participavam, agora abrimos para todos os 102 municípios alagoanas, porém continuamos com as 21 vagas. Então, os que chegarem primeiro e se inscreverem de acordo com as exigências do edital, poderão participar”, explica a analista.

A competição consiste na eleição, divulgação e premiação de receitas culinárias elaboradas por merendeiras e merendeiros da alimentação escolar, que atuam em escolas públicas municipais de educação básica e que participaram de cursos como Capacitação sobre Cardápio e Aquisição de Alimentos na Alimentação Escolar e/ou Capacitação sobre Técnicas Básicas de Culinárias e biodiversidade. “A cada ano o concurso desperta mais interesse entre os envolvidos e o público em geral, com ampla divulgação pela imprensa”, completa a analista.

Objetivos e Premiação

Valorizar a agricultura familiar é um dos objetivos da premiação. O desafio apresentado foi o de elaborar pratos que incorporassem os produtos da região ao cardápio das escolas, como uma forma de favorecer a saúde alimentar dos estudantes e de estimular a aquisição de produtos da agricultura familiar para a alimentação nas escolas, através de recursos que são disponibilizados às prefeituras pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

Além disso, o Concurso de Merendeiras capacita essas profissionais e também nutricionistas participantes sobre a importância delas na escolha dos alimentos que vão compor o cardápio escolar, como instrumento de fomento às compras públicas do que é produzido no campo, pelas famílias da própria região.

Os critérios eliminatórios são receitas compostas, especialmente, por alimentos regionais, da agricultura familiar e da biodiversidade local; a presença de alimentos in natura ou minimamente processados; ausência de alimentos processados; a possibilidade de replicação da receita no contexto escolar e inovação e compatibilidade com a infraestrutura das cozinhas escolares, quanto ao tempo de preparo e aos recursos disponíveis.

Os 21 classificados na Etapa Municipal vão receber R$500. Na etapa estadual, a merendeira que ficar em primeiro lugar vai receber 5 mil reais, o segundo lugar R$2.500 e o terceiro mil reais. A nutricionista responsável pela merendeira vencedora também ganhará 5 mil.

Ganhadoras em 2023

A receita vencedora da 5ª edição do Concurso de Merendeiras, realizado pelo Sebrae e parceiros, saiu das mãos de Aline da Silva Santos, que representou o município de Junqueiro, preparando para os jurados uma panqueca de couve com recheio de frango, ao molho de cenoura e beterraba, acompanhada de vinagrete de feijão verde.

O segundo lugar ficou com Santana do Ipanema, graças ao talento da merendeira Maria Zelma Leite dos Santos e seu arroz cremoso do Sertão. A terceira posição ficou com Maceió, representada por Maria Cícera de Melo Silva, que fisgou o paladar dos jurados com sua receita de peixe com crosta de castanhas ao molho de abóbora e azeite de coentro.

Fonte: AMA Notícias

Comente o que achou:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas

“Vamos fazer a Ponte de Penedo, o Arco Metropolitano de Maceió e concluir a BR-101/AL”, destaca Renan Filho

“Vamos fazer a Ponte de Penedo, o Arco Metropolitano de Maceió e concluir a BR-101/AL”, destaca Renan Filho

Ministro reforçou a importância das obras durante palestra de abertura do Gazeta de Alagoas Summit Mobilidade; estado recebe R$ 1,8 bilhão através do Novo PAC Facilitar a vida de quem

Águas do Sertão inicia programa intensivo de combate às perdas de água em Alagoas

Águas do Sertão inicia programa intensivo de combate às perdas de água em Alagoas

Em uma iniciativa que promete trazer grande avanço para o cenário do saneamento no sertão alagoano, a concessionária Águas do Sertão anuncia a execução de um programa intensivo de combate

Sancionada lei que garante tarifa social de água e esgoto para famílias de baixa renda

Sancionada lei que garante tarifa social de água e esgoto para famílias de baixa renda

Iniciativa beneficia famílias com descontos de 50% na prestação desses serviços. Texto foi sancionado pelo presidente da República em exercício, Geraldo Alckmin As famílias de baixa renda de todo o

CGU abre investigação para apurar possíveis irregularidades na importação de arroz pela CONAB

CGU abre investigação para apurar possíveis irregularidades na importação de arroz pela CONAB

A pedido da CONAB, a Controladoria vai apurar o caso A Controladoria-Geral da União (CGU) abre investigação para apurar possíveis irregularidades na importação de arroz pela Companhia Nacional de Abastecimento

Governo Federal investirá R$ 1 bilhão para ampliar consultas e reduzir tempo de espera

Governo Federal investirá R$ 1 bilhão para ampliar consultas e reduzir tempo de espera

Além de tornar mais fácil o acesso dos pacientes a consultas ambulatoriais, o programa amplia a oferta de serviços integrados que permitem a redução de filas O objetivo é ampliar

AMA capacita técnicos municipais sobre as regras da nova contabilidade fiscal

AMA capacita técnicos municipais sobre as regras da nova contabilidade fiscal

Seguindo o calendário de capacitações e aperfeiçoamento das equipes técnicas das cidades, a Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), promoveu na última terça e quarta-feira (11 e 12), mais um curso